segunda-feira, 5 de janeiro de 2009

Nós e os livros...

Recebi a brincadeira da Ana Paula, mando adiante para: Ju, Claudinha, Bípede, e a Fabi... por enquanto. Ah, ainda que atrasado para o Mayrant.

1. Livro que marcou sua infância: Meu Deus, vai faltar espaço no blog. Começou com A Galinha Ruiva, aos 4 anos, depois veio "O pequeno mágico Popilo", daí "Reinações de Narizinho", "Os Contos de Andersen", "A Ilha do Tesouro", Tom Sawyer e Huckleberry Finn", "Moby Dick", "Alice no País das Maravilhas e Através do Espelho", e "Mulherzinhas".
2. Livro que marcou sua adolescência: "Sidharta", "O Profeta", "O Egipcio", "Shakespeare", "Orgulho e Preconceito", "O morro dos ventos uivantes", "A Lagoa Azul", "Julio Verne", "Demian", "Cem Anos de Solidão"
3. Autor que mais admira: Guimarães Rosa e Shekespeare.
4. Autor contemporâneo: José Saramago, Paul Auster, Garcia Marques.
5. Leu e não gostou: Sex & City.
6. Lê e relê: "Grande Sertão Veredas" do Guimarães, "O Jogo das Contas de Vidro" do H. Hesse, "Laços de Família" da Clarice.(Pedaços na maioria das vezes.)
7. Mania: sublinhar a lápis os trechos de que gosto mais. De escrever coisas que me veem à cabeça nas folhas livres dos livros. Cheirar livros. Comprar os livros pela Capa e pela orelha.
Querer ter todo livro que eu vejo.
Acrescento mais um tópico:
8. Livros que quer ler: "As mil e uma noites" essa última edição traduzida direto do árabe. D. Quixote, também a última edição que saiu em Espanhol.

17 comentários:

Mayrant Gallo disse...

Oi, Marie, o livro é, de longe, a maior invenção do homem... E veja como são as coisas: se eu fosse fazer esta lista, mudaria quase tudo; é a prova, irrefutável, de que somos, cada um ao seu modo, uma leitura dos livros... Abraço!

Silvestre Gavinha disse...

Atão Mayrant, quase mandei a lista para você também... mas aí vai então. Já refiz a indicação dos nomes... Aguardo para ver a tua lista.
Mas devo dizer que a minha nem de longe está completa. Como eu lia tudo o que me caía nas mãos... tem ainda no mínimo um livro que marcou muito a minha adolescência e não coloquei...
Vamos, lá... a ver a tua lista.
Abraços
Marie

Fiona de Bourbon disse...

Nossa, Marie, vc é uma apaixonada por livros. Boa seleção. Li alguns. Sempre gostei de ler, mas por conta dos projetos trabalho-filhos-faculdade, tenho uma lacuna de uns 10 anos sem ler um livro sequer. De dois anos pra cá resolvi descontar o atraso e quase fui amarrada em uma livraria, porque espumava só de ver aquelas coisas lindas, cheios de letrinhas. Pelas minhas contas, devo ter comprado-lido uns 25 livros em 2008.
beijooo

Silvestre Gavinha disse...

Fi querida,
Sei do que falas. Em certas épocas da vida, falta tempo até para pensar, quanto mais ler, lembrar... A vida na verdade nos cobra muito tempo e aí o grande engodo. Pensa-se que no mero tempo de existir, não se está vivendo. Entra-se na esfera do invisível. Principalmente as mulheres, com seu gerar, amamentar, gerir.... Há que aprender a escutar as pedras para se sentir vivendo nestes tempos. As urgências da vida em si, requerem uma certa suspensão das funções do saber. Mas isso é papo para muita fosforilação, de preferência com um copo de vinho junto. Hihi.
Mas em 2008 mandasses ver. Muito bem. Como dia a Ana Paula: Bora lá. Faz aí tua lista também.
Beijo
Marie

Caio Rudá disse...

Livros...

Entre a vontade de escrever um e o prazer de lê-los, de outros autores, segue uma vida.

Karla Santos disse...

Feliz Ano Novo, Marie! E obrigada por estar acompanhando meu blog.

Eu, assim como a Fiona, gostaria de ler bem mais. Por sorte, casei com um apaixonado por livros que nem você e voltei a ler um pouquinho mais. Ainda preciso melhorar! hehehehe

beijos

Anônimo disse...

Ler é muito bom. Voltei a ler, depois de um bom tempo sem pegar em livros. Culpa acho que da Veja. Só ficava lendo a tal, toda semana pintava uma. Se vai emburrecendo, sempre o mesmo tipo de estilo, tudo revisado segundo um manual.
O último livro que li foi "A festa do Bode", de Mario Vargas Llosa. Já vou iniciar outro, só não sei ainda qual.
Não, eu não sublinho livros. Mesmo que seja meu.
É isso!

Luli Facciolla disse...

Já não sei mais como achei o seu blog... Tenho esse hábito de ir linkando as indicações dos blogs e de ir lendo, e lendo, e lendo...
Gostei muito do seu espaço. Muito bom, leve, verdadeiro!
Volto outra hora...

Beijo

bípede falante disse...

Marie, voltei com o tempo sempre tão escasso que só agora estou lendo os blogs. Adorei esse post. Assim que eu tiver tempo, vou colocar as minhas respostas.

Alessandro Palmeira disse...

És extremamente refinada quanto ao gosto literário. Gavinha querida, recebi sim o teu email, ainda te devo muito. É bom saber de tua existência, de teu abrigo. Tenho muito a te contar, a me contar para tão encantante alma.

Beijos do teu...

Usuale disse...

Oi pessoal! Aí vai uma dica para quem gosta de ler ou de estar sempre a par das novidades do mundo cultural. Tem um site interessante na web que trás assuntos relevantes a livros e cultura em geral aí vai:
http://www.ziipi.com/result?pesquisa=livro

compoteira disse...

oi garota!
adorei o post e retorno pra agradecer tua visita.
quando passaste, nao pensava em atualizar mais a compoteira, mas acho que peguei gosto pela coisa.
sou super caroneira do meu pequeno Arthur, dos amigos, das boas ideias...
Bisou

Dauro Veras disse...

Bela lista, Marie. Grande Sertão-Veredas também está entre os livros aos quais retorno com frequência.

Ricardo Thadeu disse...

Gostei da lista, Marie.
Usarei como... indicações.


¡adiós!

Glam Hyde disse...

boa lista de livros chérie.
ah, pois, que quero te adicionar como acompanhante, ou esqueci o termo que é para que eu acompanhe teu blog.

meu blog é mais diario mesmo, porque eu sempre perco papéis e cadernos, e acho que diario e uma boa terapia.
beijos
Carla

Glam Hyde disse...

ah, achei, é seguidores.
Ou discipluplos?

Georgio Rios disse...

Marie, orbigado pelo post tão sincero e amigo.faço poesia para os amigos...Estou arrumando um livro. Me manda teu email que envio o arquivo pdf para tu ler...
Um abraço

Georgio Rios